Postagens

Mostrando postagens de 2018

O PROJETO APRENDA+ ONLINE

Imagem
Eu não sei se todo professor passou por isso, mas eu senti (e ainda sinto) uma enorme angústia em sala de aula, por sentir que por maior que seja meu esforço, poucos são os resultados dos meus alunos. Depois de DEZ ANOS em sala de aula eu percebi que A MAIORIA DOS ALUNOS NÃO SABE ESTUDAR e não faz a menor ideia do que fazer em relação a rotina de estudos.
E olha que eu passei por todos os segmentos e mesmo assim essa angústia persiste - dei aula no Ensino Fundamental II, no Ensino Médio, no Ensino Superior e em diversos segmentos de cursos preparatórios, como pré-vestibular e pré-concursos. Também já trabalhei com educação especial com adultos e idosos. Em todos os lugares, em todos os segmentos, minha impressão é a mesma... A MAIORIA NÃO SABE COMO ESTUDAR.
Foi daí que nasceu o meu projeto pessoal chamado APRENDA+ em 2014, durante um semestre com meus alunos da graduação de biomedicina. Eu dava aula, na época, de hematologia básica. Percebi que meus alunos adoravam minhas aulas no qu…

PARA APRENDER MELHOR, PENSE COMO UM PROFESSOR!

Imagem
Quer melhorar seu rendimento nos estudos? Uma consideração sobre aprendizagem que é praticamente unânime e inquestionável entre todos os pesquisadores da área de ciência cognitiva é que A MELHOR FORMA DE APRENDER É ENSINANDO. Isso é fato!


Mas se você não é professor ou monitor, se você não tem acesso à alunos, como fazer? Pelo menos PENSE COMO UM PROFESSOR. Como? Quando fizer suas anotações, utilize folhas de papel A4 brancas e sem pauta, imagine que elas são o seu quadro. Faça o seu 'quadro' imaginando que você está explicando aquele conteúdo para um 'aluno imaginário'. Ou, melhor ainda... se você tiver uns R$50,00 sobrando aí, compre (ou mande fazer) uma mini lousa branca de acrílico ou de resina. Eu tenho uma no tamanho de uma folha A3 e me serve muito bem para planejar meus quadros e praticar minhas anotações.
Fazendo dessa forma você estará exercitando seu pensamento e sua inteligência e trabalhar com um 'aluno imaginário' vai exigir um esforço de pensamento…