Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2016

O BALLET (E A ESCALADA) DA VIDA

Imagem
A imagem é icônica. A bailarina rodopia em um pirouette sustentando graça e leveza sobre a ponta de um só pé, parecendo flutuar sobre o chão. A imagem é icônica. Representa o auge, representa a perfeição. A imagem é icônica, provoca desejo. Desejamos esta competência, desejamos esta habilidade, desejamos este auge.

Para chegar no auge como a bailarina icônica que nos inspira, num pensamento simplista, é relativamente bem simples. Eu vou escrever aqui a fórmula para o sucesso automático (anote). Basta dominar um demi pliê, um grand pliê e o próprio pliê. Então você deve fazer um battement tendu à terré, um battement en l’air seguido de um grand battement, fechando com o battement frappe. Tem que saber cambré, relevé, soutenir, deturne. Tem que saber o pirouette coupé, o pirouette passé. Por fim, o cabriole e debulê. Faça tudo isso dentro de um determinado plano de tempo, dentro de um plano de eixos. Pronto, sucesso. Quer passar no vestibular? Simples, é só assinalar as questões correta…